Ética e conduta dos fornecedores

O Código de Conduta de Fornecedores da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa define as normas não negociáveis que a instituição exige que os seus fornecedores respeitem e cumpram no exercício das relações comerciais que com ela estabeleçam.

 

A Santa Casa procura influenciar positivamente os seus fornecedores em dimensões como a ética, os direitos humanos e práticas laborais, a segurança e saúde no trabalho, a preservação ambiental e segurança da informação, em respeito das disposições da Declaração Universal dos Direitos Humanos, das Convenções da Organização Internacional do Trabalho e da legislação nacional e comunitária.

O Código de Conduta de Fornecedores é disponibilizado a todos os fornecedores – de facto ou potenciais – no contexto dos processos aquisitivos, nos cadernos de encargos, contratos e notas de encomendas, e encontra-se disponível para consulta pública abaixo.

No caso de necessitar de algum esclarecimento sobre o conteúdo do presente Código de Conduta, ou de nos comunicar algum facto ou indício relacionado com o desrespeito dos pressupostos nele contidos em matéria de ética, direitos humanos e práticas laborais, tratamento e proteção de dados pessoais, segurança e saúde no trabalho, direitos de propriedade intelectual, preservação ambiental ou segurança da informação, por favor contacte: secretaria-geral@scml.pt.